Visualizações de páginas no último mês

Amazon MP3 Clips

terça-feira, 5 de maio de 2009

Homenagem à Dona Rosário

Homenagem à Dona Rosário

Conheci aquela senhora simples, no quarto onde estava internada a minha mãe no IPO.
Uma senhora que lutava contra 3 cancros há talvez 4/5, 7 anos: no intestino, na mama e no cérebro.
Tinha 3 telemóveis e trocava sms com as amigas, constantemente.
A sua cabeça estava completamente deformada devido às cirurgias ao tumor cerebral.
Passava por nós e dizia uma graça; pediu-nos o telemóvel e contactava-nos sempre que não estávamos no hospital e a mãe pedia ou dizia alguma coisa ..ou apenas nos informava como ela tinha passado a noite.
Quando as senhoras da comunhão iam às 6 da tarde distribuir o Corpo de Cristo, a Dona Rosário _ lembro-me dessa vez_ recusou. Achava que ainda era cedo.
No dia em que a mãe piorou e partiu, a senhora Dona Rosário tentou manter-nos com o Espírito nos píncaros e aguentar-nos para não cairmos.
Nesse dia para nos distrair, falou da sua história de vida e que tinha um filho deficiente em casa, das vizinhas, das amigas…dos amores que viveu….
Quando lhe ofereci uns bolinhos recusou..por causa da diabetes: uma mulher com 3 cancros.
A sua humildade comovia: disse-nos uma vez: “vocês são umas senhoras tão queridas aqui a falarem comigo! Eu que só tenho a 4ª classe e vocês são engenheiras e médicas!!”.
Depois a mãe morreu e nós deixámos o hospital.
A Dona Rosário telefonou-me dia 24 de Dezembro a desejar um Bom Natal, “dentro do possível”. Eu agradeci e perguntei-lhe como estava: ela disse que bem!!
Em Fevereiro, a minha prima médica telefonou a informar que a Dona Rosário tinha partido.
Fiquei com pena de não ter falado mais com ela desde o Natal: ela em Lisboa e eu aqui…nem sabia sequer onde ela vivia, sabia que era num bairro pobre e perigoso da “capital”….
A dona Rosário marcou-nos para sempre com a sua alegria, com o seu sentido de humor com a sua coragem perante a desgraça, com a sua força inexcedível e com a sua amizade e prestabilidade.
A Dona Rosário, talvez tenha sido um Anjo que desceu à Terra por uns tempos.
É por saber que existem pessoas assim, que eu acredito em Deus.
Obrigada Dona Rosário pelo privilégio de a ter conhecido: a senhora ERA UMA MULHER EXTRAORDINÁRIA!
Onde quer que esteja, lembre-se de nós.

isabel

Sem comentários:

Enviar um comentário