Visualizações de páginas no último mês

Amazon MP3 Clips

domingo, 23 de agosto de 2009

HOMENS??? DAHHHHH!!!!


Eu sou uma mulher forte.

A única coisa de que tenho medo na vida é de perder as pessoas que AMO: nomeadamente as minhas filhas e amigos/familiares próximos.

Até nisso já ganhei "calo": o meu melhor amigo de faculdade e a minha mãe, deixaram-me quase sem avisar.
Estou tão zangada....Com Deus que me apetece esmurrar o condutor do lado quando faz um pequeno disparate... ou desmembrar um corpo portador de cabeça ôca, quando me aparece à frente.
Depois aparecem-me aqui meia dzia de mariquinhas a fazerem-me "a côrte".

Enjôo!! Que enjÕO!!

1º Não dizem o que querem nem ao que vêm. Dissiimulam o "querer dar uma queca" com amizades e apoios.

2ºNão têm pedalada para mim!!Não são capazes de se assumir nem de assumir nada!!! Têm o rabo preso em casamentos de conveniência, e são tipos de 50 e tal anos com medo de chocar os "filhinhos" se arranjarem uma namorada.

3º Finalmente, tenho momentos em que dou por mim a pensar, se os homens são tão fracos e desprezíveis, porque razão não me imagino a gostar de mulheres??

Fónix, Vodafone TMN que isto é demais!!

Aviso à navegação:Afastem-se de mim que eu estou farta de "mariquinhas pé de salsa"!

Isabel

3 comentários:

  1. Anibal Castro Fabrica23 de agosto de 2009 às 13:09

    Parabens pelo seu texto...
    concordo consigo por muito que isso me custe, acho que todos devem ter um principio base serem claros, directos e francos se assim for tudo será mais facil na vida...

    ResponderEliminar
  2. Apaixonada por cavalos,namorado a servir de bombo da festa para as neuras,ai Isabel,tantas frustações amorosas,daí o azedume contra os homens bem exprsso neste artigo, quando um homem ou mulher generaliza só os defeitos do sexo oposto,algo vai mal connosco, pois as pessoas não são todas iguais e consequentemente nem todas são só virtudes ou defeitos, seja mais racional e menos impulsiva, quanto ao ser católica não revela grande conhecimento da história sinistra dessa igreja, e monárquica,embora não concorde respeito.

    ResponderEliminar
  3. Agradeço que me tenha lido e comentado.
    Nunca utilzei nenhum namorado para "bombo da festa". Aí engana-se muito.
    Se me conhecesse mínimamente veria que a sua análise ao meu texto não está tão certa quanto julga.

    Isabel

    ResponderEliminar