Visualizações de páginas no último mês

Amazon MP3 Clips

sábado, 26 de dezembro de 2009

QUE POSSO EU FAZER PELO MEU PAÍS??


Estava no duche e veio-me a inspiração;
Enrolei-me numa toalha e tive que vir escrever: se a vida dos escritores é assim, não lhes invejo a “sorte”)
Estava eu a pensar com os meus botões: QUE POSSO EU FAZER PELO MEU PAÍS?
Toda a gente nos olha com olhos de desprezo quando vamos comprar alguma coisa à loja dos chineses; pois bem, este fim de semana fui a um grande Centro Comercial fazer as últimas compras de Natal para as miúdas: qual é o meu espanto quando entro na Zara e pego em algo….que vendo bem, tinha lá escarrapachado: “made in China”????
O facto é que toda a indústria de vestuário_ tirando os Capotes alentejanos e os casacos e gorros da Serra da Estrela_ ,está de rastos em Portugal.
Posso não estar bem informada mas digam-me o nome de uma marca de roupa portuguesa!!!???
_Lembro-me que a mãe nos dava sempre no Inverno malhas da Sidney que eram óptimas. Que aconteceu a essa marca?_
Li numa revista, que à globalização “chinesa”, se escapam as grandes marcas tipo Luis Vuiton, Hermés, etc.
Claro que estes artigos são comprados por meia dúzia de pessoas, encomendados por medida, custam os olhos da cara ...e até já existem boas imitações nas feiras!!
Os miúdos vestem GAP, Spriengfield, Zara, Stradivarius, etc.
As coisas para a casa vão-se encontrar no Gato Preto-
O que é que isto tem de Português??
Não chateiem os chineses: eles estão cá porque os políticos portugueses o permitiram e o quiseram!!! _ aliás como diz o meu pai com seu mordaz sentido de humor, cuidado com eles!! Se se lembram de fazer xixi, todos ao mesmo tempo para o nosso lado…Somos capazes de morrer inundados!!
É claro que me custa imenso saber que estou a explorar mão de obra barata e a comprar trabalhos executados por crianças que deveriam estar na escola!!!
Mas …Que posso eu fazer?

Costumo comprar para mim uma marca espanhola gira e fora do vulgar que existe numa lojinha simpática da minha vila.
Até que ponto aquelas coisas são mesmo manufacturadas em Espanha??
Que temos nós, Portugal, além dos vinhos, cortiças e raças autóctones??
Que temos nós manufacturado??
Sei que temos grandes cientistas, infelizmente a maioria radicados no estrangeiro, que descobrimos os transístores em papel e que o António Damásio nos EUA descortina os mais intricados mistérios da mente humana. Até uma prima minha médica a fazer investigação na Bélgica, ganhou um prémio há uns anos a fazer investigação sobre a vitamina A!
E para além disso??
Quem são os poucos agricultores portugueses que plantam olival, que criam raças autócnones em regime extensivo, que se lembram que os animais herbívoros foram criados por Deus para correr no pasto, para se alimentar de erva, feno e silagem e que os concentrados são apenas um suplemento para épocas de carência?
Quantos se lembram disso?
Quantos vendem “bem” cavalos Lusitanos, (óptimos), cavalos Sorraia, (um verdadeiro milagre genético), quantos criam perus pretos em extensivo, porcos nacionais de raça preta, no campo, e cabras nacionais??
Muito poucos, embora eu tenha a sorte de conhecer alguns que até foram meus colegas de curso e amigos.
Por este andar sinto-me impotente e triste.
O que é Nacional é BOM
Mas onde é que está???

Beijos e obrigada por me lerem!
Isabel